Espírito da Cachaça

Cachaça Coqueiro Tradicional

100181
Opinião dos Consumidores:50
Pontos Fidelidade:

Por: R$ 40,00

Preço a vista: R$ 40,00

Confira as Condições de Parcelamento

Quantidade:

+-
Comprar

Especificações

Envelhecimento

6 meses

Local

Paraty/RJ

Teor Alcóolico

44%

Madeira

Amendoim

Volume

700ml

Descrição
A Cachaça Coqueiro Tradicional é produzida na Fazenda Cabral em Paraty/ RJ. Ela é descansada em toneis de amendoim por 6 meses.
Esta cachaça é ótima para acompanhar petiscos com certa gordura, como torresmo e salame. Quando levemente resfriada torna-se mais leve e suave.Possui um visual branco, denso e límpido. No nariz ela é fina, intensa e persistente. Notas vegetais e frutadas. O sabor encorpado, acidez equilibrada, macia, fina, intensa e persistente. Deixa uma boca enxuta, com lembrança de fruta.
Ela é fabricada desde a década de 40, utilizando técnicas tradicionais que remontam ao século XVIII e deram fama à bebida produzida naquela região do litoral sul fluminense.
É a primeira marca de cachaça, no país, a receber o certificado de qualidade e excelência do Ministério da Agricultura. Possui também selo de indicação geográfica indicando sua procedência.

Especificações

Prêmios

  • Produto não avaliado

Informações do FabricanteA Coqueiro é a legítima cachaça de Paraty, Rio de Janeiro, o mais tradicional e célebre centro produtor de cachaça do mundo. Fabricada na Fazenda Cabral, no Engenho D’Água, a 7 quilômetros do Bairro Histórico, a Coqueiro é a mais bem conceituada e famosa cachaça de Paraty, porque, desde o seu nascimento, em 1803, mantém um excelente padrão de qualidade, graças às suas virtudes químicas e sensoriais de destilado de grande pureza, fascinante aroma e insuperável sabor. A Cachaça Coqueiro consagra quase cinco séculos da arte paratyense de fazer cachaça, alquimias e segredos transmitidos entre gerações e famílias da terra. Ela é produzida por Eduardo Mello, herdeiro de uma sabedoria nascida no século XVIII, quando seus ancestrais já destilavam a alma da cana de açúcar. Alambiqueiro de talento, apaixonado pelo ofício de inventar cachaça, que aprendeu com o seu pai, o mestre Antônio Mello, e com o seu avô, o legendário José Mello, criador de pingas eternas, Eduardo Mello é estudioso, dedicado, se empenhando, a cada dia, no aprimoramento da deliciosa Coqueiro, uma pinga com caráter e personalidade. Artesanal do plantio da cana ao engarrafamento, a Coqueiro é cachaça de verdade, pinga de excelência, com perfume e gosto de cana, e só de cana, características que fazem o degustador lembrar de engenho, garapa, melado, rapadura. Isto porque em todo o seu processo de produção não entram substâncias artificiais ou estranhas ao universo do engenho. As mãos, os olhos, os sentidos do alambiqueiro, sábio e generoso, estão próximos e controlam o que a natureza transforma, cria e recria. Tudo acontece no ritmo da vida, sem pressa e sem retardos: a colheita e moagem da cana, a decantação e filtragem do caldo, a preparação do mosto, a fermentação, a alambicada. E mais: tudo sob rigorosa higiene, controle tecnológico, de acordo com as rígidas normas legais da produção. A Coqueiro é resultado do “coração” do destilo, o meio da destilação, desprezados a “cabeça” (início) e o “rabo” (final, cauda, água fraca) da destilação.

Você tem mais de 18 anos?

Você precisa ser maior de idade para acessar este site.
Seus dados não serão armazenados e nem compartilhados.

voltar ao topo